Medidas simples para ajudar a manter a diabetes controlada Vida Sim

Pessoas que possuem diabetes lutam constantemente para controlar a taxa de glicose no organismo. Publicações recentes mostraram que três em cada quatro portadores de Diabetes tipo 2 estão acima do peso e com as taxas glicêmicas fora de controle. Embora a tarefa seja difícil para muitos, há algumas medidas simples que podem contribuir para facilitar esse proceso.

Como cerca de 80% dos portadores da diabetes são obesos, uma mudança nos hábitos alimentares acaba sendo necessária para muitos casos. Para situações como esta, a hora de montar o cardápio é um momento que requer atenção. Deve-se optar por alimentos saudáveis, mas sempre balanceando a quantidade de carboidratos, proteínas e gorduras. Além disso, é importante alimentar-se de três em três horas, a fim de evitar que as refeições possam ser exageradas.

Juntamente com uma dieta equilibrada, deve-se aliar a prática diária de exercícios físicos. No dia a dia pode-se trocar o elevador pelas escadas, além de procurar realizar determinados trajetos a pé ou então de bicicleta.

Nas férias é comum aumentar o consumo de alimentos. Por isso, procure tirar o foco da comida nesse período. Manter a atenção em passeios culturais, caminhadas, visitas a parques, shoppings e outros estabelecimentos. Além de contribuírem para diminuir as calorias, atividades como essas ainda ajudam a conhecer melhor locais por onde passamos.

Outra dica muito simples é estabelecer horários para tomar os remédios. De preferência de manhã, logo após acordar, ou então antes de dormir. A prática diária ainda contribui para evitar o esquecimento. Além disso, os portadores de diabetes do tipo 2 devem evitar o consumo de bebidas alcoólicas e o tabagismo, responsáveis por alterações no índice glicêmico.

Manter-se calmo e longe do estresse também acaba por ajudar a controlar os níveis de açúcar no sangue. Ainda existem diversas atividades que cooperam para o relaxamento, como por exemplo, a meditação, massagem, ioga, entre outras. Como consequência o sono também é beneficiado, e passa a ser mais tranquilo.

Mesmo seguindo dicas como essas, é necessário ressaltar que o acompanhamento médico é de extrema importância. Faça consultas periódicas, e diante de qualquer dúvida ou problema, procure o seu médico, para que o mesmo determine o melhor tratamento ou opção para o seu caso.


Veja outras opiniões, conte a sua também:


Veja também:


Matérias Relacionadas