Cuidados necessários para o clima seco Vida Sim

Olhos irritados, garganta irritada, pele áspera e nariz seco são alguns dos sintomas que afligem as pessoas quando o clima está muito seco. Essa situação é frequente na maioria das cidades, mas algumas são afetadas em proporções maiores. Esse é o caso, por exemplo, de São Paulo, que registrou recentement e34% de umidade relativa do ar, quando o ideal seria 60%.

O maior problema de níveis tão baixos são as consequências para a saúde, que tende a ficar mais frágil e propensa a doenças. Diante disso, as vias respiratórias são as mais atingidas, uma vez que as bactérias e os vírus encontram ali um ambiente propício (seco e sem secreção) para se instalarem, causando dessa forma o desencadeamento de diversas doenças como, por exemplo, gripes, asma, resfriados e bronquite.

Há ainda alguns problemas de saúde mais sérios que também podem ocorrer em virtude do clima seco. Nesta época o ar tende acumular uma maior concentração de poluição, ou seja, substâncias consideradas nocivas ao organismo como monóxido de carbono, dióxido de enxofre e dióxido de nitrogênio ficam estagnadas no ar.

Diante dessa situação, o coração também pode vir a ser prejudicado, uma vez que a pressão arterial tende a aumentar, o que pode causar um infarto ou um acidente vascular cerebral (AVC), afetando em especial os idosos e hipertensos, que devem redobrar os cuidados nessa época.

A boa notícia é que atitudes simples podem contribuir para se prevenir contra os efeitos do clima seco. É essencial hidratar-se diariamente, em especial crianças e idosos – que são mais suscetíveis a essas consequências. Além da água mineral, você pode ainda optar por sucos naturais, água de coco, verduras e frutas suculentas. Deve-se manter a higiene doméstica em dia, procurando sempre retirar o pó.

Os banhos muito quentes contribuem para o ressecamento da pele. Por essa razão procure utilizar cremes corporais hidratantes logo após o banho. Pessoas que sofrem com a irritação dos olhos podem utilizar soro fisiológico para lubrificá-los e aliviar os sintomas. Outra dica é manter o ambiente umedecido, para isso você pode utilizar um umidificador de ar ou até mesmo bacias de água no ambiente.


Veja outras opiniões, conte a sua também:


Veja também:


Matérias Relacionadas