Conheça o método de cientistas brasileiros capaz de acabar com os roncos Vida Sim

Cientistas brasileiros descobriram uma série de exercícios fáceis que podem diminuir rigorosamente com o incômodo de quem ronca. Os exercícios são feitos com a língua e com a boca e divididos em 6 passos. Seguindo à risca o método e fazendo-o regularmente, é possível não só diminuir o ronco e a intensidade dele, como em alguns casos, até eliminá-lo completamente. As causas do ronco podem ser diversas, vamos a elas:

Obesidade, gravidez e fatores genéticos:

As pessoas que têm sobrepeso, são obesas ou mulheres grávidas, muitas vezes têm um tecido da garganta adicional volumoso, o que podem causar o ronco.

Os fatores genéticos que podem causar o ronco incluem tecido extra na garganta, como hipertrofia de amígdalas, adenoides grandes, palato mole longo ou úvula alongada.


Alergias, congestão e certas estruturas nasais:

Qualquer coisa que impede ou dificulta a respiração pelo nariz pode causar roncos. Isso pode incluir o congestionamento de um resfriado ou gripe, alergias ou deformidades do nariz, como um desvio de septo.


Álcool, tabagismo, envelhecimento, drogas e medicamentos:

O ronco também pode ser provocado pela garganta ou os músculos da língua estarem relaxados. Sendo assim, as substâncias que relaxam esses músculos podem causar roncos. Isto inclui álcool, relaxantes musculares e outros medicamentos.

Envelhecimento normal e os efeitos prolongados de fumar também pode relaxar os músculos da garganta e língua.


O estudo desenvolvido com o objetivo de eliminar o máximo possível do ronco foi testado em 39 pacientes. De forma aleatória, foram 3 meses de tratamento usando tiras dilatadoras nasais, exercícios respiratórios de controle e exercícios terapêuticos diários.

A pesquisa revelou que, em pacientes de ronco primário ou leve, os exercícios diminuíram a frequência dos roncos em 36% e em 59% a potência total. O estudo foi publicado na revista Chest, EUA e contou com grande receptividade pelo meio acadêmico.

Veja quais são os exercícios e como fazê-los:

1 – Empurre a ponta da língua contra o céu da boca e empurre a língua para trás. (20 vezes)

2 – Sugue a língua para cima, preenchendo todo o céu da boca. (20 vezes)

3 – Force a língua na parte de baixo da boca, enquanto a ponta da língua encosta no dente incisivo inferior. (20 vezes)

4 – Faça a elevação do palato e da úvula. (20 vezes)

5 – Pressione o músculo da bochecha com o dedo, para fora (10 vezes de cada lado)

6 – Mastigue de degluta dos dois lados, alternativamente, usando a língua no “céu da boca”, sem contração perioral, sempre com alimentos.


Veja outras opiniões, conte a sua também:


Veja também:


Matérias Relacionadas